Recursos Humanos

O que é Feedback e como sua prática afeta o RH

Publicado: Visto por: 9 pessoas

A palavra feedback já é amplamente utilizada em todo universo empresarial. Atualmente, pedir um retorno, chamar um colaborador para encontro de opiniões ou mesmo mandar uma mensagem de texto é uma prática comum e altamente eficiente para gestores e colaboradores de empresa. 

Quando olhamos para o RH das organizações, esse panorama não é diferente. Muito pelo contrário, esse setor é o responsável por criar e possibilitar que feedbacks aconteçam e que os resultados sejam, de fato, aplicados no dia a dia e em todos os processos. 

No entanto, muitos profissionais de RH ainda possuem dúvidas sobre a prática do feedback, bem como seus impactos nos processos de gestão de pessoas. Por isso, ao longo desse conteúdo vamos esclarecer os principais detalhes sobre esse tema e possibilitar que, caso você ainda não realize, comece agora mesmo a pensar nisso. 

O que é feedback?

Feedback, nada mais é do que uma prática comunicativa responsável por oferecer uma avaliação, crítica ou comentário sobre uma atitude, performance, evento ou momento específico. 

Diferentemente do que muita gente ainda pensa, o feedback não é uma comunicação informal para apontar os defeitos de uma pessoa. O principal objetivo dessa prática é servir de base para melhorias e desempenho, tanto profissional, quanto de processos. 

A origem do termo está associada à Revolução Industrial. Acredita-se que era usado para se referir à regulagem do combustível em equipamento, servindo como fonte de dados para a operação. 

Com o tempo, a utilização do termo foi apropriada por áreas diversas. Há registros de sua utilização durante a segunda guerra e em campos esportivos, para entender sobre o funcionamento de estratégias. 

Atualmente, encontramos o termo constantemente no meio empresarial, sobretudo quando olhamos para ferramentas que auxiliam gestores, líderes, empreendedores e profissionais responsáveis pela gestão de pessoas das empresas. 

Qual a importância do feedback para o RH?

Para profissionais de RH, o feedback é uma das principais fontes de informações acerca da performance profissional, além de ser um método eficiente de reconhecimento e de definição de ações para melhorias. 

Por outro lado, o feedback também é uma das principais formas dos colaboradores entenderem como estão sendo avaliados e observados por seus líderes e pares. Na prática, o feedback se comporta como um dos principais elementos para um processo de avaliação de desempenho e crescimento profissional em uma organização.

Além disso, por meio do feedback, é possível realizar alinhamentos sobre comportamentos, resultados, impactos de um profissional no time e expectativas da organização e dos gestores com esse profissional. 

Vale ainda destacar que o papel do RH, vai além da criação de uma estrutura de feedback. É preciso que esse processo aconteça de forma a ser importante para gestores e sua equipe, visando, sobretudo, o crescimento de todos os envolvidos. 

Por isso, é importante fazer com que o feedback seja parte de uma cultura organizacional da empresa. Criando formas para que aconteça de forma natural, com planejamento e que o viés informal fique de lado.  

4 dicas para criar uma cultura de feedbacks

Agora que o conceito de feedback e sua importância ficaram claros, chegou a hora de conhecer algumas práticas para estimular esse processo em sua empresa. 

  1. Comece por gestores e líderes: é importante que os profissionais responsáveis pela gestão entendam a importância do processo e saibam como realizar feedbacks. Para isso, é necessário treiná-los, com a intenção dessa cultura alcançar outros colaboradores. 
  2. Apresente modelos: atualmente, é possível encontrar algumas metodologias e tipos de feedbacks. Vale a pena apresentar algumas possibilidades para que quem fornece e quem recebe, entendam como funciona o processo. 
  3. Faça isso uma rotina: colaboradores novos, treinamentos de líderes, desenvolvimento da equipe, será preciso reforçar a importância e a ideia do feedback em todos os momentos, para que isso se transforme em uma rotina. 
  4. Acompanhe de perto: para criar essa cultura, é muito importante que o profissional de RH acompanhe o resultado e ajude a criar ações a partir das informações de um feedback. Dessa forma, colaboradores, gestores e a empresa perceberão vão perceber os resultados.

Gostou dessas dicas e desse conteúdo sobre feedback? Assine nossa newsletter e acompanhe nosso blog para receber mais dicas e informações para aplicar em sua empresa. 

Publicado:
Materiais gratuitos

Baixe também nossos materiais gratuitos

Tudo o que você precisa saber sobre o mercado gratuitamente e em um só lugar.

Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo nosso site, você autoriza a Forpeople Softwares a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.